Militão Augusto de Azevedo (RJ, 18 de junho de 1837 –  SP, 24 de maio de 1905)

Militão Augusto de Azevedo (RJ, 18 de junho de 1837 – SP, 24 de maio de 1905)

Há 110 anos falecia o carioca Militão Augusto de Azevedo, autor da primeira grande reportagem fotográfica de São Paulo, o Álbum Comparativo de 1862-1887. Com tomadas simples e privilegiando a cidade construída, Militão nos leva a um passeio por São Paulo, que no período por ele fotografado passou de província a uma cidade cosmopolita que viria se tornar a grande metrópole atual.

Militão Augusto de Azevedo (RJ, 18 de junho de 1837 – SP, 24 de maio de 1905)

Há 110 anos falecia o carioca Militão Augusto de Azevedo, autor da primeira grande reportagem fotográfica de São Paulo, o Álbum Comparativo de 1862-1887. Com tomadas simples e privilegiando a cidade construída, Militão nos leva a um passeio por São Paulo, que no período por ele fotografado passou de província a uma cidade cosmopolita que viria se tornar a grande metrópole atual.

Os trinta Valérios, uma fotografia bem-humorada de Valério Vieira (1862 – 1941)

O fotógrafo, pianista e compositor Valério Vieira (1862 – 1941) apresentou na Exposição Universal de Saint Louis, nos Estados Unidos, realizada entre de 30 de abril e 1 de dezembro de 1904, a curiosa e bem-humorada fotografia “Os trinta Valérios”, que lhe valeu a medalha de prata. O original autorretrato realizado por Valério, uma combinação de dois gêneros da fotografia – o retrato e a fotomontagem – tem caráter teatral e humorístico e é um marco na história da fotografia brasileira. Na imagem, vê-se a apresentação de uma orquestra, onde todos os músicos, além das figuras da plateia, dos garçons, do busto em cima do móvel e dos quadros pendurados na parede são retratos do fotógrafo. Ao todo, são 30 imagens de Valério Vieira. Inicialmente, a fotografia, realizada em torno de 1901, chamava-se Valerio Fregoli, possivelmente uma referência ao ator italiano Leopoldo Fregoli (1867 – 1936), que representava diferentes papéis numa mesma encenação com rápida troca de caracterização.

São Paulo sob as lentes do fotógrafo Guilherme Gaensly (1843 – 1928)

A Brasiliana Fotográfica homenageia os 463 anos de São Paulo, a maior cidade da América do Sul e a quarta maior do mundo, com imagens produzidas pelo suíço Guilherme Gaensly (1843 – 1928). Ele foi o autor de importantes registros da cidade, vendidos como fotografias em papel albuminado e colotipias impressas na Suíça e comercializadas em álbuns. Em 1899, a empresa The São Paulo Railway, Light and Power Company, o contratou como fotógrafo oficial, função que exerceu até 1925, três anos antes de sua morte. Na ocasião, a presença da Light representava a modernização da área urbana e dos serviços da cidade. Apesar de nunca ter sido o fotógrafo oficial de São Paulo, como foi Augusto Malta (1864 – 1957) no Rio de Janeiro, Gaensly foi o autor de uma abrangente obra sobre a capital paulista nas primeiras décadas do século XX, o que o coloca nessa posição.

O comércio no século XIX e nas primeiras décadas do século XX

A Brasiliana Fotográfica convida seus leitores para um passeio pelo comércio, em algumas cidades brasileiras, na segunda metade do século XIX e nas primeiras décadas do século XX. São ruas e lojas em Belém, Manaus, Pirapora, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo. Embora todas estas cidades tenham sofrido mudanças radicais, ainda estão de pé alguns dos estabelecimentos aqui retratados. E quanto aos demais…recordar é viver! O mais antigo registro fotográfico da galeria data de 1870 e o mais recente, de 1929.

Dia do Trabalho

Dia do Trabalho

Para lembrar o Dia do Trabalho a Brasiliana Fotográfica criou uma galeria com diversos registros de trabalhadores no Brasil do século XIX e do início do século XX. A galeria contempla trabalhadores rurais e urbanos, trazendo, por um lado…

Cenas de rua: da paisagem arquitetônica à paisagem social e humana

No século XIX, fotógrafos como Marc Ferrez registram a paisagem urbana em grandes panoramas. Ferrez documentou sistematicamente o Rio de Janeiro, cidade onde viveu e produziu a maior parte de seu trabalho fotográfico, fortemente influenciado em seu processo criativo pela deslumbrante paisagem da cidade e de seu entorno. Suas imagens da arquitetura da cidade e […]